Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘academia de letras da bahia’

  • Encontro Internacional de Contadores de História , realizado na Caixa Cultural Salvador (Centro), traz hoje as seguintes atrações: Fabiano Moraes (10h30), Carolina Rueba (15h), Sérgio Belo (18h) e Rubén Lopez (20h). Inno Sorsy, Gislayne Matos e Cucha del Aguila fazem ofina de narração de história. Para participar, basta 1 kg de alimento não-perecivel.
  • O legado e a obra de Joge Amado são os temas do seminário Novas Letras na Academia de Letras do Bahia, à partir das 15h. Hojte três palestras serão ministradas por Nancy Vieira, Edilene Dias Matos e Eliana Mara Chiosi. Evento prossegue até sexta-feira. Entrada franca.
  • Viagem do príncipe austríaco Maximiliano de Habsburgo à Bahia do século XIX é tema de palestra e livro. A explanação acontece hoje, às 17h30, no Instituto Geográfico e Histórico da Bahia, com a autora Moema Parente Augel, mestre em Ciências Humanas pela UFBA e doutora em Literautras Africanas pela Faculdade de Letras da UFRJ. Entrada gratuita.

Read Full Post »

A Academia de Letras da Bahia promove seminário sobre escritora baiana Helena Parente Cunha. Reproduzo matéria do Jornal A Tarde, publicada no Caderno 2 desta quarta-feira.

LIANA ROCHA
lrocha@grupoatarde.com.br

Ansiar por algo, a aparentemente eterna condição do ser humano, sempre rendeu inspiração aos escritores. Por isso nada mais oportuno que As formas informes do desejo seja o título do seminário realizado pela Academia de Letras da Bahia (ALB), de hoje a sexta-feira, em homenagem à escritora baiana Helena Parente Cunha.

O título, que é baseado num dos capítulos de um dos seus romances, foi aprovado pela escritora.

“”Trata-se de uma constante temática que me acompanha explícita ou implicitamente, no desdobramento do meu texto“, comprova.

DIVERSIDADE – A obra da autora, radicada no Rio de Janeiro, onde é professora emérita da Universidade Federal, é diversificada.

Inclui contos, romances, ensaios e também traduções.

Para a Academia, Helena possui uma escrita onde se atravessam inúmeras vozes e tipologias discursivas.

O professor-doutor Edivaldo Boaventura, presidente da ABL, destaca que Helena tem a particularidade de ser ao mesmo tempo professora de Literatura e autora. “Ela conhece a temática teoricamente, e a pratica, como contista, romancista e poeta. E isso tudo vamos cobrir no seminário“, promete.

Para analisar as nuanças do trabalho, foram convidados diversos estudiosos da obra de Helena. Segundo a coordenadora do encontro, a professoradoutora Evelina Hoisel (Instituto de Letras da Ufba), será feito um amplo estudo da produção da escritora, e mais: “Também contemplamos a figura desta mulher“.

Assim, convidados que têm estudos acadêmicos sobre a obra da autora também falarão de sua trajetória em “depoimentos com afetividade“, como diz Evelina.

Para ela, essa ideia, já realizada em outros seminário, ajuda a desmistificar o autor: “E Helena gosta muito desse diálogo com o leitor“, finaliza.

Read Full Post »