Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘flip 2009’

flip

“Criado no ano passado, o Prêmio São Paulo de Literatura encerrou sua segunda edição nesta segunda-feira, no Museu da Língua Portuguesa. O júri final elegeu Altair Martins na categoria estreante e concedeu a Ronaldo Correia de Brito o prêmio de livro do ano. Nascido em Porto Alegre, Altair Martins foi selecionado por A parede no escuro, romance que narra a experiência de duas famílias ao lidar com a perda de suas figuras paternas. Galiléia é o primeiro romance de Brito, autor de três livros anteriores de contos, e acompanha o retorno de três primos ao sertão cearense, em visita ao avô.  Entre os concorrentes a livro do ano figuraram nomes de peso como José Saramago, por A viagem do elefante, e Milton Hatoum, por Orfãos do Eldorado. Vale lembrar que no ano passado os vencedores do prêmio foram Tatiana Salem Levy (autor estreante) e Cristóvão Tezza (livro do ano), ambos convidados da FLIP 2009. Entre os finalistas da categoria estreante deste ano estavam os participantes da FLIP 2008 Vanessa Barbara e Emilio Fraia, que concorriam ao prêmio por O verão do Chibo, e o psicanalista Contardo Calligaris, pelo romance O conto do amor“.

Colocar na listas de “livros para ler ainda este ano”.

Anúncios

Read Full Post »

Já, já: FLIP

“Antes de começar, a FLIP está em gestação. Desde 2003, pelo menos, quando foi realizada pela primeira vez. Para quem já foi à FLIP outras vezes, a festa começou ainda antes, lá atrás, de acordo com a experiência e a memória pessoal de cada visitante, morador, funcionário ou autor. Para quem escreve, a Festa Literária Internacional de Paraty pode ter começado nas primeiras letras pronunciadas há muito tempo, quando as palavras e as ideias ainda se formavam, em estado bruto, e seu autor nem sonhava com Paraty.

A 7a. edição do evento começou desde o momento em que a FLIP anterior teve fim. Ou, pelo menos, desde o começo deste ano, quando o calendário já avisava: falta pouco. E desde abril último ela já é realidade para quem está diretamente envolvido nos últimos arremates conceituais e na produção de textos e materiais gráficos. A poucos dias do evento, o escritório de São Paulo também respirava ares paratienses.

Todo esse exercício de antecipação vai, na verdade, para dizer que a FLIP é um evento que conta com tempos múltiplos, que combina experiências diversas e termina por ser uma obra coletiva, em que escritores, leitores, críticos, artistas, jornalistas, viajantes e paratienses se encontram em momentos diferentes de suas experiências de vida.

O fato de esse encontro ocorrer mais uma vez a partir desta quarta-feira 1 de julho — e mais uma vez ser regado a literatura — é algo a ser celebrado. Para lembrar Manuel Bandeira, cuja poesia é homenageada na FLIP 2009, tomemos alegria”.

Mais informações: www.flip.org.br

Read Full Post »