Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘literatura’

O excelente blog de Mayrant Gallo.

Read Full Post »

A Brasiliana – “Nós sempre fomos depositários dos livros, muito mais do que proprietários, porque a gente passa e os livros ficam”.

O vírus da leitura – “Eu procuro inocular, no maior número possível de pessoas que eu encontro, especialmente crianças e jovens, o vírus do amor ao livro e à leitura”.

A eterna companheira – “E ela lia os livros que eu ia comprando (…). Quando havia uma coisa muito extravagante, que eu hesitava em comprar, geralmente ela me encorajava a comprar. Eu nunca precisei entrar em casa com um livro escondido, como acontece com muitos colecionadores”.

Uma linda homenagem. Vale a pena conferir.

Read Full Post »

  • Encontro Internacional de Contadores de História , realizado na Caixa Cultural Salvador (Centro), traz hoje as seguintes atrações: Fabiano Moraes (10h30), Carolina Rueba (15h), Sérgio Belo (18h) e Rubén Lopez (20h). Inno Sorsy, Gislayne Matos e Cucha del Aguila fazem ofina de narração de história. Para participar, basta 1 kg de alimento não-perecivel.
  • O legado e a obra de Joge Amado são os temas do seminário Novas Letras na Academia de Letras do Bahia, à partir das 15h. Hojte três palestras serão ministradas por Nancy Vieira, Edilene Dias Matos e Eliana Mara Chiosi. Evento prossegue até sexta-feira. Entrada franca.
  • Viagem do príncipe austríaco Maximiliano de Habsburgo à Bahia do século XIX é tema de palestra e livro. A explanação acontece hoje, às 17h30, no Instituto Geográfico e Histórico da Bahia, com a autora Moema Parente Augel, mestre em Ciências Humanas pela UFBA e doutora em Literautras Africanas pela Faculdade de Letras da UFRJ. Entrada gratuita.

Read Full Post »

Alice Ruiz e Caio Fernando, recebendo o prêmio Jabuti em 1988. Foto: Milton Michida

Alice Ruiz e Caio Fernando recebendo o prêmio Jabuti em 1988. Foto: Milton Michida

A foto – de dois que amo – é pra ilustrar o que fiquei sabendo através do Autores e Livros: saiu a lista dos concorrentes ao Jabuti de 2009.

Romance

1.º Flores Azuis (Cia. das Letras), de Carola Saavedra

2.º Cordilheira (Cia. das Letras), de Daniel Galera

3.º Órfãos do Eldorado (Cia. das Letras), de Milton Hatoum

4.º Galileia (Objetiva), de Ronaldo Correia de Brito

5.º Satolep (Cosac Naify), de Vitor Ramil

6.º Manual da Paixão Solitária (Cia. das Letras), de Moacyr Scliar

7.º A Parede no Escuro (Record), de Altair Martins

8.º O Livro dos Nomes (Cia. das Letras), de Maria Esther Maciel

9.º Um Livro em Fuga (Record), de Edgard Telles Ribeiro

10.º Heranças (Rocco), de Silviano Santiago

Contos e Crônicas

1.º Canalha! – Crônicas (Editora Bertrand Brasil), de Fabricio Carpinejar

2.º 101 Crônicas – Ungáua! (Publifolha), de Ruy Castro

3.º Ó Editora (Iluminuras), de Nuno Alvares Pessoa de Almeida Ramos

4.º Rasif (Record), de Marcelino Freire

Ostra Feliz Não Faz Pérola (Planeta), de Rubem Alves

5.º Os Comes e Bebes nos Velórios das Gerais e Outras Histórias (Auana), de Déa Rodrigues da Cunha Rocha

6.º Ping Pong – Chinês Por Um Mês: As Aventuras de Um Jornalista Brasileiro Pela China Olímpica(Manuela Editorial – Arte Paubrasil), de Felipe Machado

7.º Crônicas e Outros Escritos de Tarsila do Amaral (Unicamp), de Laura Taddei Brandini (Org.)

8.º Antologia Pessoal (Record), de Eric Nepomuceno

9.º Cheiro de Terra – Contos Fazendeiros (Scortecci), de Lucília Junqueira de Almeida Prado

O Silêncio dos Amantes (Record), de Lya Luft

10.º Vatapaenses Vasos Comunicantes (Gm Minister), de Sergio de Almeida Brun

Poesia

1.º Dois em Um (Iluminuras), deAlice Ruiz

2.º Chocolate Amargo (Brasiliense), de Renata Pallotini

3.º Antigos e Soltos: Poemas e Prosas da Pasta Rosa (Instituto Moreira Salles Instituto Moreira Salles), de Ana Cristina Cesar

4.º Cinemateca (Cia. das Letras), de Eucanaã Ferraz

5.º A Letra da Ley (Annablume), de Glauco Mattoso

6.º Homem Ao Termo – Poesia Reunida [1949-2005] (Editora da UFMG), de Affonso Ávila

Outros Barulhos (Reynaldo Bessa), de Reynaldo Bessa

7.º Geometria da Paixão (Anome Livros), de Dagmar de Oliveira Braga

8.º Os Corpos e Os Dias (Cultura), de Laura Erber

9.º Ferreira Gullar: Poesia Completa, Teatro e Prosa (Nova Fronteira), de Ferreira Gullar

Réquiem (Contra Capa), de Lêdo Ivo

10.º Uma Hora Por Dia (7letras), de Maria Helena Azevedo

Biografia

1.º José Olympio, O Editor e Sua Casa (G.M.T. Editores), de José Mario Pereira

2.º O Sol do Brasil (Cia. das Letras), de Lilia Moritz Schwarcz

3.º Anna: A Voz da Rússia Vida e Obra de Anna Akhmátova (Algol), de Lauro Machado Coelho

4.º O Santo Sujo: A Vida de Jayme Ovalle (Cosac Naify), de Humberto Werneck

5.º Caio Prado Júnior (Boitempo), de Editorial Lincoln Secco

6.º Domingos Sodré, Um Sacerdote Africano (Cia. das Letras), de João José Reis

7.º Cruz e Sousa – Dante Negro do Brasil (Pallas), de Uelinton Farias Alves

8.º Cancioneiro Chico Buarque (Jobim Music), de Elianne Canetti Jobim

9.º Traição (Cia. das Letras), de Ronaldo Vainfas

10.º Viver Sua Música: Com Stravinsky em Meus Ouvidos, Rumo À Avenida Nevskiy (Editora da USP), de Gilberto Mendes

Reportagem

1.º O Olho da Rua: Uma Repórter em Busca da Literatura da Vida Real (Globo), de Eliane Brum

2.º O Sequestro dos Uruguaios – Uma Reportagem dos Tempos da Ditadura (L&PM Editores), de Luiz Cláudio Cunha

3.º O Livro Amarelo do Terminal (Cosac Naify), de Vanessa Barbara

4.º Narrativas de Um Correspondente de Rua (Pós-Escrito – do Instituto Cultural de Jornalistas do Paraná), de Mauri König

5.º Rim Por Rim (Record), de Julio Ludemir

6.º Sem Vestígios (Geração Editorial Ltda), de Tais Morais

7.º No Calor da Hora: Música e Cultura nos Anos de Chumbo (Algol), de João Marcos Coelho

8.º Casadas com o Crime (Letras do Brasil), de Josmar Jozino

9.º Suicídio – O Futuro Interrompido (Geração Editorial), de Paula Fontenelle

10.º 1968 – O Que Fizemos de Nós (Planeta), de Zuenir Ventura

Tradução

1.º Satíricon (Cosac Naify), de Cláudio Aquati

2.º A Morte de Empédocles / Friedrich Hölderlin (Iluminuras), de Marise Moassaba Curioni

3.º 40 Novelas de Pirandello (Cia. das Letras), de Maurício Santana Dias

4.º Moby Dick (Cosac Naify), de Irene Hirsch e Alexandre Barbosa de Souza

5.º Porta do Sol (Distribuidora Record de Serviços de Imprensa S.A.), de Safa A-C Jubran

6.º Poemata: Poemas em Latim e em Grego (Tessitura), de Erick Ramalho

7.º Os Irmãos Karamázov – 2 Vols. (34), de Paulo Bezerra

8.º Plotino, Enéada Iii. 8 [30]: Sobre a Natureza, A Contemplação e o Uno (Editora da Unicamp), de José Carlos Baracat Júnior

9.º O Diabo Mesquinho (Kalinka), de Moissei Mountian

10.º Contos Completos (Cosac Naify), de Leonardo Fróes

Teoria e Crítica Literária

1.º Monteiro Lobato: Livro a Livro (Editora da Unesp), de Lajolo, Marisa e Ceccantini, João Luís

2.º Pensamento e “Lirismo Puro” na Poesia de Cecília Meireles (Editora da USP), de Leila V. B. Gouvêa

3.º Literatura da Urgência Lima Barreto no Domínio da Loucura (Annablume), de Luciana Hidalgo

4.º Graciliano Ramos – Um Escritor Personagem (Autêntica), de Maria Izabel Brunacci

5.º Machado de Assis: Ensaios da Crítica Contemporânea (Editora da Unesp), de Guidin, Marcia Ligia – Granja, Lúcia – Ricieri, Francine Weiss (Orgs.)

6.º Contos de Machado de Assis: Relicários e Raisonnés (Associação Jesuita de Educação e Assistência Social), de Mauro Rosso

7.º Do Teatro: Machado de Assis (Perspectiva), de João Robeto Faria (Org.)

8.º Que Poesia É Essa? Poesia Marginal: Sujeitos Instáveis, Estética Desajustada (Editora da Universidade Federal de Goiás), de Teresa Cabañas

9.º A Segunda Vida de Brás Cubas (Rocco), de Patrick Pessoa

10.º A Gargalhada de Ulisses: A Catarse na Comédia (Perspectiva), de Cleise Furtado Mendes

Infantil

1.º Sete Histórias Para Contar (Moderna), de Adriana Falcão

2.º Comilança (DCL), de Fernando Vilela

3.º No Risco do Caracol (Autêntica), de Maria Valéria Rezende e Marlette Menezes

4.º Era Outra Vez Um Gato Xadrez (Record), de Leticia Wierzchowski

5.º Minhas Contas (Cosac Naify), de Luiz Antonio

6.º A História de Biruta (Cia. das Letras), de Alberto Martins

7.º Zoo (Nova Fronteira), de João Guimarães Rosa

8.º E Um Rinoceronte Dobrado (Projeto), de Hermes Bernardi Jr

9.º A Invenção do Mundo Pelo Deus-Curumim (34), de Braulio Tavares

10.º Alma de Rio (Cortez), de Ellen Pestili

Juvenil

1.º O Fazedor de Velhos (Cosac Naify), de Rodrigo Lacerda

2.º A Distância das Coisas (Edições SM – Grupo SM), de Flávio Carneiro

3.º Cidade dos Deitados (Cosac Naify), de Heloisa Prieto

4.º Montanha-Russa (Cosac Naify), de Fernando Bonassi

Surfando na Marquise (Cosac Naify), de Paulo Bloise

5.º 1808 – Edição Juvenil (Planeta), de Laurentino Gomes

6.º Brincos de Ouro e Sentimentos (Pingentes Biruta), de Luiz Antonio Aguiar

7.º Figurinha Carimbada (Girafinha), de Márcio Araújo

8.º Chuva de Letras (Scipione), de Luis Alberto Brandão

9.º Meu Pai Não Mora Mais Aqui (Biruta), de Caio Riter

10.º Conversa de Passarinhos (Iluminuras), de Alice Ruiz S / Maria Valéria Vasconcelos Rezende

Read Full Post »

Alguém pode me dizer se existe algo parecido com isso aqui em Salvador? Queria tanto um curso como este ou este.

Read Full Post »

gabo

Ainda bem que ele tratou de se pronunciar logo!

García Márquez nega que esteja pensando em abandonar literatura

AFP

O Nobel colombiano Gabriel García Márquez negou que tenha abandonado a literatura ou que esteja pensando em fazê-lo, como disseram duas pessoas próximas ao escritor, e garantiu que a única coisa que faz é escrever, em declarações ao jornal El Tiempo publicadas neste domingo.

“Não só isso não é verdade, como a única coisa certa é que não faço outra coisa senão escrever”, disse em conversa por telefone, de seu apartamento na Cidade do México.

García Márquez, de 81 anos, e que só respondeu a duas perguntas, também negou que deixará de publicar livros, e deu a entender que está trabalhando em novas obras. “Meu ofício não é publicar, mas escrever”, disse.

Em entrevista ao jornal La Tercera do Chile, o britânico Gerald Martin, biógrafo de García Márquez, disse que o criador do realismo mágico deixará a pena e “não escreverá mais livros”.

Além dele, a agente literária espanhola Carmen Balcells, que há anos cuida da obra do Nobel, também disse que García Márquez deixará de escrever.

Gabriel García Márquez é autor, entre outras obras, de “Cem Anos de Solidão” e “O Amor Nos Tempos do Cólera”.

Read Full Post »

Older Posts »